The Kiss of Deception, da Mary E. Pearson.


Oi, pessoal! Tudo bem? Hoje eu tô aqui pra contar pra vocês o que eu achei e como foi a minha experiência de leitura de The Kiss of Deception, que é o primeiro livro da trilogia intitulada Crônicas de Amor e Ódio. Já adianto que gostei muito da leitura, mas tenho os meus poréns

// Antes de começar, gostaria de agradecer muito à DarkSide Books, que é a editora que publicou o livro e, com muito carinho, me enviou um exemplar. Mais do que só agradecer, quero mandar um beijão pra Raquel, do Pipoca Musical (canal | blog), que foi super atenciosa comigo. <3


Sinopse: Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro?

Quando se vê refugiada em um pequeno vilarejo distante o lugar perfeito para recomeçar ela procura ser uma pessoa comum, se estabelecendo como garçonete, e escondendo sua vida de realeza. O que Lia não sabe, ao conhecer dois misteriosos rapazes recém-chegados ao vilarejo, é que um deles é o príncipe que fora abandonado e está desesperadamente à sua procura, e o outro, um assassino frio e sedutor enviado para dar um fim à sua breve vida. Lia se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor.

O romance de Mary E. Pearson evoca culturas do nosso mundo e as transpõe para a história de forma magnífica. Através de uma escrita apaixonante e uma convincente narrativa, o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio é capaz de mudar a nossa concepção entre o bem e o mal e nos fazer repensar todos os estereótipos aos quais estamos condicionados. É um livro sobre a importância da autodescoberta, do amor, e como ele pode nos enganar. Às vezes, nossas mais belas lembranças são histórias distorcidas pelo tempo.


Essa resenha não contém spoilers! Pode ler tranquilamente! :)

Vamos começar falando da coisa que mais gostei nesse livro: a personagem principal. A Lia é uma personagem forte e destemida, e o tempo todo ela corre atrás de seus sonhos e não age contra sua vontade. Ela passa uma forte imagem/mensagem feminista, lutando pelo seus direitos e indo em busca do que quer. Quando se vê obrigada a casar com um príncipe que ela nunca viu, ela e sua amiga Pauline fogem no dia do casório pra um lugar onde elas possam recomeçar suas vidas.

Vejo apenas lembretes de que nada dura para sempre, nem mesmo a grandeza.

Quando solicitei o livro pra editora, eu achei que ele fosse um livro de fantasia, com muita magia e lutas épicas, mas não é bem isso. O livro conta a história de um romance e por isso foi publicado pelo selo DarkLove da editora. Confesso que me decepcionei um pouco, mas foi pelo fato de esperar um coisa que o livro não é. Ele é, sim, um livro de fantasia, mas os elementos fantásticos que permeiam a história são tão sutis que cheguei até a esquecer que o livro é de fantasia. No começo fiquei meio triste com tudo isso, mas senti um gostinho de "quero mais", quando o livro chegou ao fim.


A escrita do livro é sensacional. Com uma simplicidade e maestria incríveis, Pearson cria um mundo completamente novo e uma trama de tirar o fôlego. A escrita ágil da autora faz com que nos apeguemos aos personagens nas primeiras cinquenta páginas e torçamos por eles ao longo de toda a narrativa. Sem muito floreio, a autora vai direto ao ponto, descrevendo com perfeição os lugares e os sentimentos dos personagens.

... não podemos viver no talvez.

Uma das coisas mais legais do livro é ver a interação entre os personagens. Durante o desenrolar da história a gente conhece alguns personagens bem interessantes e todos os que são apresentados são, de uma certa forma, aprofundados. Dessa maneira os personagens tomam uma profundidade que não vemos em todos os livros. A maneira como a Lia desconfia de tudo e todos é sensacional, o que faz com que ela seja real. Ver o turbilhão de emoções e de dúvidas que assolam a mente da nossa personagem principal é bem interessante.

Se a gente não pode confiar em uma pessoa no amor, não se pode confiar nela pra nada. Algumas coisas não podem ser perdoadas.

Mas até mesmo os grandes podem tremer de medo.

// O segundo volume da trilogia, o The Heart of Betrayal, será publicado no mês de Outubro pela DarkSide Books.


O pouquinho de fantasia que aparece lá por volta dos 3/4 do livro foi bem legal. Fiquei bastante curioso pra saber o restante da estória e conhecer um pouco mais desse mundo.


// VÍDEOS



// FOTOS

Página do primeiro capítulo do livro.

Página com o título do livro.

A folha de guarda do livro apresenta um mapa de onde os nossos três personagens principais vivem,

// CONSIDERAÇÕES FINAIS

Livro maravilhoso com um final incrível. Recomendo pra quem está em busca de uma boa aventura em um mundo grande e completamente novo.

NOTA: 5/5

E aí? Já leu ou está afim de ler? Comenta aí!
Abraços e boas leituras! \o/

6 comentários:

  1. Olá!
    Estou louca para ler The Kiss Of Deception desde quando fiquei sabendo do lançamento. O 2º volume da trilogia já será lançado mês que vem e ainda não tive oportunidade de ler o 1º, mas tudo bem... Vida que segue :((( huahua
    Fiquei bastante surpresa por perceber que não encontrarei magias, lutas e coisas assim. Mesmo sabendo que o livro foi publicado pelo selo DarkLove e que contém elementos fantásticos, mesmo que sutis, achei que encontraria muita fantasia. Fiquei um pouco desapontada por saber que não é tudo isso que eu esperava, mas ao mesmo tempo foi bom pois não corro o risco de me decepcionar durante a leitura. Agora sei o que esperar.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim! mesmo eu pondo minhas expectativas pra outro lado, eu adorei o livro! ainda mais se for parar pra que é um romance e eu não gosto de romance. kkk
      obrigado pela visita! :)

      Excluir
  2. Estava realmente achando que seria algo mais puxado para o romântico e sem muito o elemento fantasioso, apenas pela sinopse, porém me despertou uma curiosidade imensa em saber como que a autora aborda o tema. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  3. Ainda não comprei o livro, mais depois da resenha q vc fez Alex bateu vontade de comprar ele viu é ler,...parabéns pela resenha ficou ótimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. leia sim, Dione! o livro é sensacional! :)

      Excluir

Curtiu o post? Deixe seu comentário aqui embaixo, pra gente poder debater! \o/

Só comente algo relacionado ao post. Não desrespeitar ou insultar ninguém, caso contrário, o comentário será excluído.

Tem um blog? Comenta aí embaixo, pra que eu possa te fazer uma visita! :)

Tecnologia do Blogger.