O Mensageiro, da Lois Lowry.


Olá, humanos! Hoje eu venho trazer mais uma resenha e também conversar com vocês sobre O Mensageiro, que é o terceiro volume do Quarteto O Doador, escrito pela Lois Lowry e publicado aqui no Brasil em abril desse ano (2016) pela Editora Arqueiro! \o/

O primeiro e o segundo volumes já foram lidos e resenhados aqui no UB! Para conferir, só clicar no nome do livro! :)

NO BLOG

NO CANAL DO YOUTUBE


Sinopse: Há seis anos, Matty chegou ao pacato Vilarejo. Sob os cuidados de Vidente, um cego que tem uma visão especial, ele amadureceu e se adaptou à nova vida. Agora, espera receber seu nome verdadeiro, que determinará seu valor ali, como ocorre com todos os habitantes. 

Contudo, algo nefasto está se infiltrando no Vilarejo, e os moradores, antes orgulhosos de receber forasteiros, passam a exigir que as fronteiras sejam fechadas para se protegerem. 

Por ser um hábil mensageiro, Matty é encarregado de avisar os outros povoados sobre o bloqueio. Sua missão também tem outro grande objetivo: buscar Kira, a filha de Vidente, antes que seja tarde demais.  

Ele é o único capaz de viajar pela Floresta, que já provocou algumas mortes. O problema é que ela também está se tornando um lugar perigoso para o garoto. Mas muitos dependem de Matty. Então, armado apenas de um poder recém-descoberto, ainda incompreensível e incontrolável, ele se arriscará a fazer o que talvez seja sua última viagem.

~~~

Esta resenha está livre de spoilers. Pode ler sem medo! :)

Bom, quem me acompanha nas redes sociais sabe muito bem o quão ansioso eu estava pra ler essa obra. Desde que A Escolhida foi lançado, lá em 2014 (dois anos! :O), que eu o aguardo, afinal, o segundo volume eu comprei e li no dia do lançamento. (olha o nível do vício. haha)

É meio complicado escrever resenha de um livro que me fez sentir todos os tipos de emoção. Esse livro, como todos os outros, me fez ficar muito aflito e apaixonado pelos personagens. Mais uma vez Lois Lowry cria uma sociedade com suas regras e costumes próprios de uma maneira incrível. 

Não tenho muito o que dizer, já que a escrita da Lois Lowry continua da mesma maneira como é nos outros livros: impactante, simples e apaixonante. A cada vez que um personagem aparece, você se apega a ele e se apaixona. O núcleo de cada um deles é muito bem escrito e explorado, fazendo com que todo o enredo do livro se conecte.

É muito interessante, nesse volume, ver elementos e personagens dos outros livros voltando à tona. A gente pode presenciar ações de personagens como o Jonas e a Kira, que foram protagonistas dos dois primeiros livros da série. A relação do Matty, não só com eles, mas com todos os outros personagens da estória é muito bacana e passa uma verossimilhança incrível!

Mais uma vez me vi sendo feito de trouxa por essa autora que adora acabar com os seus leitores e destruir os nossos corações! O desfecho da história foi uma surpresa muito boa para mim. Adorei ver que durante toda a narrativa da história a autora jogou pistas para que pudéssemos premeditar o fim e, mesmo assim, eu não esperava aquele final. Durante todo o livro a gente se vê apegado não só pelos personagens, mas pelo passado de cada um deles, e esse é um dos pontos que eu mais gosto nos livros da Lois Lowry.

Sobre a construção do mundo: é incrível. Mais uma vez a autora criou um mundo novo com suas regras e costumes próprios. Logo nas primeiras 80 páginas você já se vê imerso naquele pequeno universo e querendo saber mais como tudo aquilo funciona. Sistema monetário, governamental e todo o resto são muito bem construídos e abordados durante o decorrer da história.

Com essa chuva de elogios, só tem uma coisa que me incomodou: o tamanho do livro. O O Mensageiro só tem 160 páginas e isso, pra mim, é muito pouco. Mas não vá achando que ela não soube usar as páginas, muito pelo contrário! O que acontece é que eu queria fica mais naquele mundinho e 160 páginas não foram o suficiente pra mim. :(

Esse livro é espetacular, recomendado para todos os que leram e amaram O Doador de Memórias e A Escolhida e anseiam por uma continuação.

Antes de dar a nota, eu gostaria de deixar aqui os meus agradecimentos à Editora Arqueiro por ter me enviado esse livro maravilhoso. <3

hoje, por volta das 10 horas da manhã, eu peguei esse livro pra ler e, agora, as 13:15, eu o termino. já que o espero há dois anos (desde o lançamento de A Escolhida, quando comprei e li no mesmo dia), já sabia que eu ia amar. e não me decepcionei. mais uma vez eu me surpreendi a cada página, vibrei a cada conquista e, novamente, aguardo ansiosamente pelo próximo volume (que, poxa, já vai ser o último). depois desse triste e incrível final, afirmo com muita certeza que essa é uma das minhas séries literárias prediletas e que Lois Lowry é uma das minhas autoras favoritas. mais uma sociedade incrível, com mais um cliffhanger no final de nos fazer cortar os pulsos. sei que me estendi aqui, mas sinto que não vou conseguir expressar a quantidade de coisas que senti durante as minhas três horas ininterruptas de leitura. obrigado, @editoraarqueiro, pelo envio do livro e pelo botton. ❤ obrigado, Lois Lowry, por ser tão incrível. 💛
Uma foto publicada por Alex Costa (@umbookaholic) em

NOTA
5/5

E aí? Já leu algum dos livros dessa série ou tem vontade de ler? Comenta aí embaixo! \o/

Abraços e boa leitura! :D

2 comentários:

  1. Muito bem Alex, quando eu crescer quero escrever uma resenha como você hahaha

    ResponderExcluir
  2. To lendo o mensageiro atualmente, to curtindo por enquanto mas achando nada de mais, sl é mais ou menos o mesmo clima de A Escolhida, mas apesar de tudo é uma saga que eu gosto bastante, cada livro tem algo muito especial que torna eles diferentes um dos outros.
    Enfim, não sei se estou certo mas sinto que esse tem uma ligação mais direta com A Escolhida, será? será? veremos

    - Meus Monólogos :D

    ResponderExcluir

Deixa a sua opinião, ela é mega importante pra mim! E, ah, se você tiver um blog, deixa o link aí! Vou adorar retribuir a visita! <3

Obrigado! :D

Tecnologia do Blogger.